Loading...
Search

Hoje vim dividir um pouco da minha história capilar com vocês. Durante a minha infância e adolescência, sempre usei relaxamento, não gostava do meu cabelo, recebia diversos apelidos na escola e por esse motivo ele vivia preso.

Quando mudei de escola, algumas novas amigas me incentivaram a soltar os cabelos, elas achavam lindo e queriam ver ele solto, criei coragem, e depois de muitos anos soltei o meu cabelo novamente. Vi que ele nem era feio como eu imaginava, mais ainda existia uma insegurança, que não me permitia abandonar a química, o volume era algo que me deixava muito insegura, por isso, mantive o relaxamento e segui feliz.

antes

Já na faculdade, e ainda fazendo relaxamento nos cabelos, por duas vezes minhas cabeleireiras alisaram acidentalmente a minha raiz. E como isso foi terrível, voltei a prender o meu cabelo e na segunda vez decidi que tentaria não usar mais química nos meus cabelos. Já estava ruim, pior não poderia ficar, e assim iniciei a minha transição. Foi 1 ano e meio de cabelo meio natural meio relaxado, esse processo é bem complicado, a diferença entre as partes é gritante. Durante o período o rabo de cavalo voltou a ser meu aliado, junto com o coque e o baby liss, prometi a mim mesma que após o meu baile de formatura eu cortaria, e assim eu fiz.

big-chop

Quando fiz o meu Big Chop a sensação de liberdade era grande, percebi o quanto meus cachinhos naturais eram lindos e como eu fui boba e insegura. Mas como nem tudo são flores, vieram as críticas. “Nossa porque você cortou o cabelo tão curto?”, “Porque você fez isso nos seus cabelos?”. Eu explicava que estava tirando à química, mas isso não convencia as pessoas, na época, não se falava em transição capilar, e tive que passar por tudo sozinha.

Já fazem 3 anos desde o meu Big Chop, ele ainda está crescendo, cabelos cacheados tem um problema, o fator encolhimento, mas agora aquilo que mais me preocupava, o temido volume, virou meu aliado, na verdade, quanto mais volumoso o meu cabelo estiver melhor. Quem diria que eu iria mudar tanto?

atual

Hoje em dia existem inúmeros grupos sobre transição no Facebook, e isso te ajuda a não passar pelo processo sozinha. O apoio de alguém é muito importante, pois nossos cabelos são algo que mexe muito com a nossa autoestima. Deixarei o link de alguns grupos que participo, espero que eles ajudem vocês.

Grupos

Cacheadas e Estilosas

Transição Capilar

Diva dos Cachos

Termos utilizados:

Big Chop: é o grande corte que se faz nos cabelos para a remoção da química.

Transição: período quando a pessoa decide não fazer mais química nos cabelos até ele ficar completamente natural

Author: Aline França

Radialista, bailarina, blogueira, apaixonada por moda, beleza, culinária e tantos outros assuntos que irei compartilhar com vocês.  

11 Replies to “Minha transição capilar”

  1. Micaely Rodrigues says: 23 de outubro de 2014 at 12:00

    Ah Amei seus Cachinhos, são muito lindos ♥
    Parabéns por assumir seus cachos !
    Você é linda moça, Amei seu Blog *——-*

  2. Tainan says: 23 de outubro de 2014 at 14:19

    Seu cabelo ficou muito mais lindo ainda Aline.

    http://www.eucurtoliteratura.com/

  3. Camila Seixas says: 24 de outubro de 2014 at 03:21

    Lineee!!!
    Seus cachos são lindos, fiquei com uma dúvida. Seu BC foi a 3 anos e de lá pra cá você não cortou mais?!
    Então mulher fiz um post sobre isso no meu blog contei um pouco da história do meu cabelo e tal. Fiquei surpresa com meu cabelo depois do BC cacheou muitoooooo!!
    Bjão!!!

    1. Aline França says: 24 de outubro de 2014 at 11:03

      Oi Camila, depois do BC eu já cortei sim, para ajustar o corte e tirar as pontas, estou programando um novo corte agora, mas sem tirar comprimento pois quero que ele cresça. 😀
      O BC é ótimo, né?

  4. Katlyn says: 24 de outubro de 2014 at 15:19

    Eu amoooooooooo teu cabelo! Minha priminha de 4 aninhos tem cabelo assim, a mãe dela tbm porém faz chapinha então já declarei guerra se deixarem ela gostar da chapinha hahahaha o cabelo dela é maravilhoso, assim como o seu
    e cabelo cacheado é luxo! Se o meu não fosse liso natural, jamais aderiria à chapinha, ruuuum.
    Beijos, Aline
    http://www.hicultura.com

    1. Aline França says: 24 de outubro de 2014 at 22:24

      Que linda! <3
      Está certa, incentive a sua prima a gostar dos cabelos... manda o meu vídeo de fitagem para a mãe dela 😉

  5. rafaela says: 25 de outubro de 2014 at 01:16

    Tô achando o máximo essa história de transição capilar! Também abandonei todo tipo de química há 4 meses, mas ainda não tive coragem de cortar. Parabéns pela ousadia! Beijos! http://www.meupecadopredileto.com.br

    1. Aline França says: 25 de outubro de 2014 at 16:22

      Obrigada, Rafaela. Logo você se anima e corta, 4 meses é muito pouco mesmo, seu cabelo ficaria muito curto.

  6. Inspire-se: cortes para cabelos cacheados says: 27 de outubro de 2014 at 07:08

    […] eu fiz o meu Big Chop, após passar pela transição, tive muita dificuldade em achar referências para um bom corte de cabelo. Por isso, reuni alguns […]

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

You may use these <abbr title="HyperText Markup Language">html</abbr> tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*